Jujutsu Kaisen: a complexa relação de Gege Akutami com Gojo – Por que o personagem não pode ser abandonado

A relação entre Gege Akutami, o criador de Jujutsu Kaisen, e Satoru Gojo, o personagem mais popular da série, atraiu atenção e especulação dentro da comunidade de anime devido aos comentários públicos de Akutami e às representações de Gojo no mangá.

Apesar da imensa popularidade de Gojo entre os fãs, Akutami expressou um notável desdém pelo personagem. Em vários casos, Akutami descreveu Gojo como sem personalidade e declarou abertamente seu alívio por ter deixado o personagem de lado após o arco do Incidente de Shibuya, sugerindo um desejo de diminuir a proeminência de Gojo na história.

O complexo relacionamento de Gege Akutami com Gojo

Yuji e Gojo

Uma decisão particularmente controversa foi a morte de Gojo fora das telas após a Batalha dos Mais Fortes, que muitos fãs consideraram desanimadora e indicativa do aparente desfavor de Akutami em relação ao personagem.

No entanto, apesar dos sentimentos pessoais de Akutami em relação a Gojo, os capítulos recentes do mangá Jujutsu Kaisen viram a presença e o significado contínuos de Gojo na narrativa. Referências e cenas de flashback envolvendo Gojo têm se tornado cada vez mais frequentes, levando alguns fãs a especular sobre um possível retorno ou envolvimento mais profundo em histórias futuras.

Gojo Satoru na capa do volume

No capítulo 257, Gojo apareceu em uma cena de flashback, transmitindo conhecimento sobre um poder recém-introduzido. Além disso, no capítulo 258, a influência de Gojo foi referenciada indiretamente quando Sukuna utilizou seu sinal de mão para ativar seu Domínio, surpreendendo os leitores com a conexão inesperada.

A inclusão contínua de Gojo em momentos narrativos cruciais sugere que, apesar da aversão de Akutami, o personagem permanece parte integrante da trama abrangente de Jujutsu Kaisen.

A popularidade esmagadora de Gojo entre os fãs solidificou seu status como uma figura definidora do…

Autor